Posts

Novas tecnologias acelerando a Transformação Digital no varejo

Roupas, Cabides, Loja, Compras, Boutique, Camisas

A indústria do varejo no setor da moda faturou no Brasil apenas no ano passado R$ 156,3 bi. O setor empregou em 2018 1,479 milhões de pessoas com empregos diretos e 8 milhões de forma indireta. Com esses números positivos o setor tem o desafio de continuar se inovando para acompanhar as outras áreas, pensando nisso, a transformação digital atua como um gatilho para a indústria da moda, pois todos os dias as novas tecnologias estão influenciando no desempenho das empresas e também na relação delas com o cliente.

Entre as tecnologias que tem maior destaque na transformação digital desse setor, os aplicativos mobile são os mais importantes. Com esses aplicativos, é possível personalizar as ações para cada cliente. Assim, responsáveis pelas analises da empresa podem cruzar informações e, com isso, informar a todos os setores da empresa sobre quais produtos devem receber uma atenção maior por serem mais consumidos.

Outro meio da transformação digital está no processo de modelagem 3D, que permite reduzir drasticamente o número de manequins necessários para as coleções, evitando gastos desnecessários. Já na parte da produção, há tecnologias que personalizam o produto com a ajuda de scanners corporais, ajudando ainda mais na decisão de compra do cliente.

As possibilidades para uso de melhorias digitais são infinitas, e, obter um meio para adentrar nesse ambiente é a fórmula para garantir a sustentabilidade e melhorar a gestão de uma empresa independente do mercado onde atue.

Pagamento por QR Code é o futuro do varejo

Atualmente vemos o crescimento e a popularização dos app que facilitam várias ações do nosso dia, desde pedir comida, até pegar uma carona para chegar mais rápido em algum lugar, e claro, essa evolução ia transformar a forma como fazemos pagamentos. Hoje já não precisamos ter um cartão ou dinheiro em mãos pois temos a possibilidade de realizar transações por meio de um relógio que se conecta à maquininha debitando o valor.

Mas segundo pesquisa da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo, os avanços tecnológicos já nos permitem fazer pagamentos através de QR Code, avanço esse que segundo o levantamento já é utilizado por 17% dos consumidores e tira a utilidade das maquininhas de cartão, já que para fazer o pagamento basta aproximar seu celular com um leitor, da tela de outro aparelho que gera a imagem.

Por ainda estar engatinhando o estudo mostra que a maioria das pessoas ainda prefere o uso de tecnologias mais conhecidas para realizar suas transações. 24% dos entrevistado afirmaram que pagam compras através de aplicativo, mas o dinheiro ainda é usado por 68% dos entrevistados a frente do pagamento com crédito (62%) e o débito (54%).

A tecnologia de QR Code ainda não está implementada totalmente, porém os donos de lojas já começam a pensar nesse futuro não tão longe que vai transformar novamente o varejo, mas quem também precisa ser apresentado a essa novidade é o cliente oferecendo cupons de desconto e bônus para compras nesse novo modo que além de prático é mais seguro para quem vende e quem compra.

 

FONTE: SITE – portalnovarejo.com.br.

Consumidores ainda preferem o e-mail

Pesquisas feitas em vários países do mundo identificaram que o e-mail ainda é a ferramenta favorita dos consumidores para se comunicarem com os varejistas e suas lojas. Especialistas responsáveis pelo levantamento mostram quais são as outras formas escolhidas pelos entrevistados.

Veja o levantamento:

62,9% E-mail.

43% Aplicativos para celular

25,2% Rede Social

19,6% Website

 

FONTE: SITE – portalnovarejo.com

TENDÊNCIAS DO MERCADO DE VAREJO

Um grupo varejista está testando uma tecnologia que permite agilizar o atendimento em lojas. A ferramenta “Scan and Go” permite que os compradores escaneiem os códigos de barra dos produtos e assim realizem o pagamento. Após efetuada a cobrança, o consumidor pode sair da loja depois que um QR Code que é gerado na confirmação do pagamento for escaneado pela catraca que fica no final da loja.

O pagamento fora do caixa-eletrônico só será disponibilizado para aqueles que participarem do grupo de fidelidade da empresa.

 

FONTE: SITE – portalnovarejo.com

Novidades para o varejo em 2019

Com a chegada de 2019 que já está na metade, especialistas em Varejo listaram algumas das principais tendências para o mercado que devem estar em alta esse ano no Brasil.

São elas:

1° A integração todas as plataformas do negócio (e-commerce, aplicativos, lojas físicas), visando melhorar a experiência do consumidor que poderá encontrar os produtos tanto em lojas físicas quanto nas virtuais.

2° Robôs vão ter maior participação no cotidiano do varejo, como assistentes virtuais de atendimento e também auxiliando nas negociações.

3° Seguindo o segundo tópico, a inteligência artificial estará mais presente e assim com base em compras anteriores, e com o perfil dos clientes, os mesmos receberão ofertas personalizadas com mais frequência.

4° Com o aumento do desempenho do e-comerce, as lojas físicas não devem fechar, mas se tornar espaços de esperimentação para os clientes, o número de lojas deve diminuir mas o negócio físico vai continuar sendo rentável.

 

FONTE: SITE – e-comercebrasil.com